Rede CpE representa o Brasil em encontro nos EUA sobre os desafios da ciência para educação

Representantes de redes ligadas à ciência do aprendizado dos EUA, China, Austrália e Brasil vão se reunir entre os dias 8 e 9 de fevereiro, em Washington (EUA), no evento Global Convergence on the Science of Learning, que visa estabelecer conexões entre o campo de estudo e os desafios da educação.

Promovido pela National Science Foundation (NSF), o encontro terá a Rede CpE como única representante do Brasil e América Latina. Na ocasião, membros da Rede CpE irão apresentar seis trabalhos, entre eles uma apresentação institucional sobre a rede; outra sobre nossas linhas de pesquisa; um estudo sobre a nossa Plataforma CpE; e trabalhos de pesquisadores associados sobre economia da educação, de Daniel Domingues dos Santos (USP); sobre ciência da computação, de Seiji Isotani ( USP); e de neurociência, de João Ricardo Sato (UFABC).

A pesquisadora associada Fernanda Moll Tovar (IDOR) também vai moderar uma mesa sobre a colaboração internacional de pesquisa na área e o coordenador da Rede CpE Roberto Lent vai moderar um debate sobre o efeito da pobreza no aprendizado e outro sobre o que pais e avós devem saber sobre ciência do aprendizado.

O evento será fechado para lideranças na área e terá por objetivo discutir como as descobertas da ciência podem ser transpostas para a educação e identificar que pesquisas são mais estratégicas nesse sentido.

Sobre o Autor

Sofia Moutinho

Jornalista carioca guiada pela curiosidade e fascinada pela ciência. Especializada na cobertura de ciência, saúde, tecnologia e meio ambiente, atuou como repórter da Ciência Hoje durante maior parte de sua carreira. Na Rede CpE, toca a assessoria de imprensa e a produção de conteúdo.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado